Sistema OCB/PE realiza Encontros Regionais pelo Sertão

Durante a última semana, dirigentes do Sistema OCB/PE foram até o Sertão do São Francisco e o Sertão do Pajeú para a captação de demandas e sugestões de trabalho para compor o plano de trabalho do Sistema OCB/PE 2020. Os principais assuntos debatidos foram o fortalecimento da gestão, a capacitação da governança e dos colaboradores e a comunicação. A condução foi realizada pelo facilitador Sergio Cordiolli, com a coordenação do presidente do Sistema OCB/PE, Malaquias Ancelmo de Oliveira.

A primeira cidade a receber o Encontro Regional de Cooperativas foi Petrolina. Cerca de 30 pessoas participaram do evento. Nele, o público conheceu como está a execução do trabalho em 2019 e o perfil do cooperativismo estadual. O Programa de Desenvolvimento da Gestão das Cooperativas (PDGC) ganhou grande destaque. A atividade desenvolve ações de aprendizagem que contribuem para o desenvolvimento da autogestão das cooperativas, pautado no conceito de sustentabilidade, pelo qual as cooperativas se tornam economicamente viáveis, socialmente justas e ambientalmente corretas, resguardando as características societárias que as distinguem e respeitando os princípios e valores do cooperativismo. Ele foi bastante abordado pelo gerente de desenvolvimento das cooperativas, Rodrigo Leocádio, que ao fim, convidou todos os representantes cooperativistas a entrarem no programa.

A segunda cidade, no Sertão do Pajeú, a receber o encontro foi São José do Egito. Nele o PDGC também ganhou grande projeção, assim como as informações administrativas do Sescoop/PE. A atividade de juntar as pessoas em equipe para juntas, formalizarem demandas de trabalho aconteceu nas duas cidades. Entre as principais demandas sugeridas estava a implantação de pesquisa socioeconômica para avaliação do cooperativismo pernambucano, o investimento na educação cooperativista em 2020, o aprofundamento da capacitação dos colaboradores e quadro de sócios, além de uma maior aproximação da direção das cooperativas para um maior engajamento no PDGC.

“Essa integração é muito especial. Saber que a nossa opinião pode colaborar para a direção do Sistema OCB/PE melhorar cada vez mais o trabalho é algo engrandecedor. Esperamos, agora, que a sociedade fique mais integrada as práticas cooperativistas e conheça mais esse movimento”, relatou Edis Matsumoto, presidente da Coana, em Petrolina.

“A prática de colocar pessoas de cooperativas de diferentes ramos para conversar é um ótimo modo de debater as principais necessidades. A troca de experiências fica bastante rica. Essa é uma prática cooperativista que devemos enaltecer. Pois pensando no futuro poderemos rever oportunidades de fazer o nosso trabalho de um modo cada vez melhor”, contou o dirigente do Conselho de Administração da OCB/PE, Adalberto Teixeira.